Scorpions ” In The House” arrebataram o MEO Arena

De certeza que estão familiarizados com aquela expressão “como uma criança numa loja de doces” certo? Foi exactamente como me senti ontem assim que aterrei, e aqui o termo correcto é mesmo esse aterrar, no Meo Arena ontem pela 20h00 aproximadamente.

Para alguém que como eu, que cresceu a ouvir Scorpions e os tem como banda de eleição, tantas vezes ganhei apostas a pala destes senhores por saber que música se tratava aos primeiros acordes, assistir ao vivo ao concerto, e ainda por cima ao concerto do 50th aniversário é como ter concretizado uma qualquer lista maluca de coisas a fazer antes de morrer.

Scorpions-20160628-5

A noite de ontem foi um assalto aos sentidos, uma montanha russa de sensações, de partilha de entrega, de suar e sorrir, e berrar até sentir as cordas vocais quase a ceder… Sorrisos estúpidos estampados no rosto, serenatas a desconhecidos que cantavam em uníssono e que tornam a música naquilo que ela é! O libertar da alma, por duas horas mais coisa menos coisa o mundo parou, para quem se deslocou até ao Meo Arena…

Continuamos a ser um dos melhores públicos a receber, o nosso povo é mesmo assim, sabe receber bem quem passa por cá, por isso não é de admirar que as bandas e ontem foi esse o caso, atrasem a actuação para sentir e ver a sala, e se ontem a sala estava particularmente bonita.

O início das “hostilidades” deu-se pelas 21h30 ao som de “Going Out With a Bang” e caso os acordes iniciais não nos tivessem feito acordar para a vida o ecrã gigante por cima do palco onde se vislumbrava uma explosão gigantesca não nos deixava qualquer dúvida, era agora que íamos ter o início de uma das melhores noites de 2016 (e digo isto sem receio nenhum, mesmo estando ainda a meio do ano).

Que entrada, que energia… querem mais uma expressão popularucha? “São muitos anos a virar frangos” e estes senhores sabem “assar” como ninguém… e ver Mikkey Dee (baterista de Motorhead) aos comandos da bateria é um deleite para a vista e um “orgasmo” aos canais auditivos!

Scorpions-20160628-10

O concerto prosseguiu ao som de “Make it real” aqui com um mimo, com uma bandeira portuguesa gigantesca em todos os ecrãs do palco, “The Zoo” e “Coast to Coast” e no fim deste quarteto de fazer levantar os mortos, até os mais surdos, veio o primeiro momento calmo do concerto, um medley em versão acústica de “Top of the Bill / Steamrock Fever / Speedy’s Coming / Catch Your Train”, aqui as versão dividem-se, nos que adoraram, aos que acharam que algumas não se encaixaram lá tão bem e perderam o “power” eu pessoalmente posso dizer que gostei imenso e que acabou por ser um momento refrescante, porque acreditem quando vos digo que a sala estava ao rubro ontem.

Seguiu-se “We Built This House” e a energia “in the house” atingiu novamente o exponente máximo de saltos, palmas, assobios e telemóveis em modo gravação, para ser sincera? Os telemóveis são bons para uma única coisa e isso viu-se ao som de “Send Me an Angel” quando se acenderam numa substituição bem menos escaldante aos dedos que os antigos isqueiros.

Falar do tempo que perdem entre selfies, gravações, fotos e outras que tais é bater no ceguinho, aqui a “je” já chegou a essa conclusão… quem sabe um dia acabam por se aperceber que enquanto enquadram a foto perfeita perdem o perfeito que se cola na retina mas isso sou eu… moving on!

“Wind of Change”, “Rock’n’ Roll Band” e “Dynamite” foram as que se seguiram com a mesma maravilhosa alegria contagiante dos Scorpions, falar aqui de uma forma individual seria injusta já que todos sem excepção brincaram, comoveram-se e comoveram, várias foram as vezes que a pele de galinha se instalou no corpo desta que vos escreve!

Novo momento de interlúdio desta feita não em acústico mas em precursão com o solo de bateria de Mikkey Dee que se nos levou metaforicamente a nós as alturas e o levou literalmente a ele… e aqui acreditem que me faltam palavras para o descrever… a energia desta Senhor é inesgotável e o sorriso… ah o sorriso é contagiante… já mencionei que a noite foi de sorrisos?

Scorpions-20160628-11

A banda regressou ao som de “Blackout”, “No One Like You” e terminou com “Big City Nigths” com agradecimentos em português, foi uma constante ao longo da noite aliás, e saíram… mas a malta não se deixou enganar… faltavam pelo menos duas icónicas para a noite ser perfeita e o regresso não se fez esperar muito.

Para nós já que a energia acabou por derrubar pelo menos um dos que se encontravam a minha frente que não aguentou e “crashou”… a dúvida no entanto persiste se terá sido da emoção ou da cerveja… mas que teve de sair em braços lá isso teve!

Aos primeiros acordes de “Still Loving You” eu confesso aqui que não segurei as lágrimas, quem lá esteve sabe a energia que se sentiu naquela sala, daquelas energias que mudam o mundo ou pelo menos que nos mudam por segundos e foi isso que aconteceu e em segundos mudamos também a melancolia já que a música que encerrou o concerto de ontem “Rock You Like a Hurricane” e aí foi a loucura total de cantos gritados, palmas sincronizadas, saltos energéticos sem querer saber que ontem era terça e que hoje muitos de nós iríamos regressar ao trabalho mortos mas com um sorriso do caraças rasgado no rosto!

Porque só se vive uma vez, então ao menos que seja de forma intensa!

Obrigada Scorpions por 50 anos de memórias auditivas, obrigada pela noite memorável de ontem.

À Everything is New o nosso sincero obrigada pela oportunidade de ver e de escrever sobre tão magnífico evento, o nosso especial obrigada também a todos os membros que nos receberam no Meo Arena pela simpatia e pela sempre disponível ajuda!

Até breve!

Texto: Paula Marques

Fotos: Domingos Ambrósio

Advertisements
This entry was posted in Reportagens and tagged , , . Bookmark the permalink.

One Response to Scorpions ” In The House” arrebataram o MEO Arena

  1. Pingback: Semana 26 e 27 de 52 | Os meus idealismos

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s