Symphony X // 28 FEV – Paradise Garage

unnamed

Os maestros do power metal progressivo regressam a Lisboa para apresentar «Underworld», o seu mais recente registo de estúdio.

Para a maioria dos fãs de power metal progressivo, os SYMPHONY X não precisam de introduções. Ao longo das últimas décadas, o quinteto liderado pelos talentosos Michael Romeo e Russell Allen não só assumiu sem receios o papel de principal porta-estandarte da tendência como tem conseguido manter a sua posição como uma das bandas mais consistentes e prolíficas de que há memória neste espectro desde que, em 1994, se mostrou ao mundo com a sua estreia homónima. Apoiado num catálogo sem mácula, alicerçado numa inteligente fusão dos arranjos cerebrais dos Rush, da técnica dos Deep Purple e do peso obscuro herdado dos Black Sabbath, os músicos norte-americanos têm assinado alguma da música mais tecnicamente proficiente, diversa, dinâmica e, simultaneamente, acessível e orelhuda de que há memória recente no vastíssimo universo do metal de tendências progressivas. Hoje são um dos nomes mais aplaudidos entre as hordas de apreciadores do peso sonoro que não se limita apenas ao óbvio e ao previsível.

Não é, de resto, preciso pensar muito para perceber que, mais de duas décadas depois de terem dado os primeiros passos, os SYMPHONY X não são só mais uma banda qualquer. Seja o imenso talento de Michael Romeo na guitarra, o poderio vocal de Russell Allen, a proficiência imaculada dos restantes elementos do grupo ou o facto de manterem a formação intocada há mais de quinze anos, a verdade é que estes nativos dos Nova Jérsia tem muita coisa a jogar a seu favor. Uma dessas qualidades é, sem qualquer dúvida, o facto de – ao contrário de muitos dos seus competidores directos – fazerem questão de provar a cada oportunidade que têm que, afinal, técnica não tem obrigatoriamente de ser sinónimo de exibicionismo instrumental. Apesar de serem músicos de excepção, ao nível dos que conseguem pôr uma plateia de pares a questionar as suas capacidades, o quinteto também consegue escrever canções muito bem estruturadas, com princípio meio e fim e com ganchos que agarram o ouvinte pelo colarinho do primeiro ao último momento.

Editado a 24 de Julho último, «Underworld» é o mais recente registo de longa-duração dos SYMPHONY X e mostra o grupo – que fica completo com Michael Pinnella nos teclados, Mike LePond no baixo e Jason Rullo na bateria – a mergulhar de cabeça na sua abordagem tão agressiva como épica ao som eterno. Ao nono lançamento de estúdio, o coletivo dá continuidade ao seu processo de crescimento e consegue o impensável, assinando um disco incrivelmente desafiante em que elevam as composições neoclássicas de Romeo a um patamar superior de intensidade e maturidade. Famosos pelos concertos arrebatadores e cheios de garra contagiante, os músicos norte-americanos preparam-se agora para traduzir ao vivo a grandiosidade de «Underworld» numa digressão europeia que os vai trazer de volta a Portugal. Quatro anos depois de ter deixado a sua marca indelével na Incrível Almadense e no Hard Club, o quinteto regressa finalmente ao nosso país para, no dia 28 de Fevereiro, apresentar o seu novo álbum num espectáculo único no Paradise Garage, em Lisboa.

Os bilhetes para o concerto custam 22€, à venda a partir do dia 25 de Setembro, nos locais habituais.

Abertura de Portas: 20h00 – Inicio espectáculo: 21h00

Fonte: Prime Artists

Advertisements
This entry was posted in Noticias and tagged , , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s